Tubarão tem pela primeira vez representatividade na etapa nacional do Torneio Crossfit Brasil

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no pinterest
Créditos: Kamila Melo/Decom/PMT

Sentir o corpo ser provado ao máximo da sua capacidade e, ao mesmo tempo, ter a mente blindada contra os gatilhos negativos, mantendo-se forte – até o final. Competir na elite do crossfit requer talento, apoio e, principalmente, dedicação. Diferente do que a maioria pensa, a modalidade não se limita apenas ao levantamento de peso. Para vencê-la, você deve aperfeiçoar todas as valências físicas e, claro, gostar de se desafiar. Após meses de preparação, Ana Claudia Cabral embarca nesta quarta-feira (4) rumo a Sorocaba, São Paulo, onde disputará o Torneio Crossfit Brasil (TCB), maior competição do país. Encarando a categoria Master 40-44 Feminino, o evento esportivo inicia nesta quinta-feira (5) e se estende até domingo (8), e a atleta conta com o apoio da Prefeitura de Tubarão, por meio da Fundação Municipal de Esporte.

Com 41 anos, ela tem a honra de ser a primeira tubaronense – e única natural de Santa Catarina – a estar entre o elenco seleto classificado para o campeonato. Para se ter ideia, o TCB é como a Série A do Brasileirão, onde os melhores times do Brasil se enfrentam para disputar o maior prêmio. Como nos clubes grandes, Ana teve que passar por uma competição seletiva para chegar lá ao alto patamar. “Houve toda uma periodização específica e consegui ganhar”, relata. Se antes ela já sabia previamente o que enfrentaria dentro da arena, agora, no entanto, teve que se preparar perante o inesperado. “Pode ter de tudo lá. Posso voltei até a fazer natação”, revela. Afinal, para esta etapa, as provas são divulgadas poucos dias antes à estreia do torneio, o que aumenta a dificuldade.

Enquanto muitas adversárias veem a regra de forma negativa, Ana gosta e até prefere que seja assim. “Nos mantém ainda mais no mesmo nível de competitividade”, completa. Talvez, a divergência de pensamentos quanto as outras competidoras, esteja na forma como a atleta gosta de levar a vida, de forma leve, simples e madura. Durante a rotina diária, além de ser head coach, crossfiter, é também mãe. Seu filho, o pequeno Pietro Cabral, mesmo tendo somente 7 anos de idade, a incentiva diariamente no treinamento. “Ele sempre fala que posso ir muito mais além”, finaliza. Para viajar até as terras paulistas, Ana contou com o apoio da Fundação Municipal de Esporte.

 

O flow

Além de toda autenticidade nas roupas e acessórios, antes das competições e treinos, a crossfiter gosta de ficar no “estado de flow” ou estado de fluxo. Segundo Ana, o flow nada mais é do que você movimentar o corpo de acordo com o que ele quer fazer. O conceito foi criado na década de 70 para remeter as boas experiências de harmonia entre o corpo e a mente. No esporte, por exemplo, caracteriza excelência diante da automotivação, concentração e energia. “Gosto de fazê-lo com música. É onde eu faço meus aquecimentos, integrando com yoga, danças”, observa, incentivando as pessoas a conhecerem e praticarem o fluxo.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Tubarão

Deixe um Comentário

Inscreva-se para Atualizações

Seu email será utilizado somente para o envio de nossas atualizações.

Selecione, dentre as opções abaixo, o
Plano de Inserção escolhido

Plano Bronze

Grátis
  • Sua inserção será analisada por nossa equipe para a aprovação em até 48 horas.

Plano Prata

R$ 49
90
Anual
  •  

Plano Ouro

R$ 19
90
Mensal
  •  

Para os Planos Prata e Ouro, a aprovação será efetuada em até 24 horas após a confirmação da assinatura pelo PagSeguro. Caso a assinatura não seja confirmada, em até 48 horas, a inserção será deletada automaticamente.